quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Bolsonaro tenta doar R$1,5 milhão que sobraram de campanha para hospital e é impedido pelo TSE


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou que pretende doar o dinheiro que não foi usado em sua campanha ao hospital que o atendeu logo após o atentado e salvou sua vida. 


Ouça:



Bolsonaro disse: "Nossa campanha custou cerca de R$ 1,5 milhão, menos que a metade do que foi arrecadado com doações individuais. Pretendo doar o restante para a Santa Casa de Juiz de Fora, onde nasci novamente. Acredito que aqueles que em mim confiaram estarão de acordo. Muito obrigado a todos!".

Leia também: 
Michel Temer faz apelo ao PT para que não sabote e destrua o Governo Bolsonaro e é intensamente aplaudido
Magno Malta faz pronunciamento emocionante no Senado: 'Bolsonaro era tido como doido e virou presidente'; assista ao vídeo
Senadores petistas atacam Bolsonaro e são destroçados por Lasier Martins: 'Acusações de perdedores!'; veja vídeo
Com Bolsonaro eleito, presidente do Paraguai diz que solicitará extradição de dois acusados de sequestro

O TSE, no entanto, informou que "a legislação eleitoral não permite a doação, uma vez que as sobras de campanha devem retornar ao partido e o comprovante de transferência deve ser enviado junto com a prestação de contas à Justiça Eleitoral".

Veja também: 





Correio do Poder
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...