segunda-feira, 4 de março de 2019

Bolsonaro pede à população para pressionar o Congresso pela Medida Provisória que proíbe o desconto do imposto sindical


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
Após a assinatura da Medida Provisória 873, que proíbe a retenção do imposto sindical no salário dos trabalhadores, o presidente Jair Bolsonaro pediu a ajuda da população para fiscalizar e pressionar o Congresso para que aprecie a Medida Provisória dentro do prazo. A Medida estabelece que o imposto sindical só pode ser cobrado dos trabalhadores que optarem, individualmente e por escrito, pelo pagamento, e só pode ser cobrado por boleto, não podendo mais ser retido do salário dos trabalhadores. 

Ouça: 


Bolsonaro explicou que a Medida Provisória precisa ser apreciada em 120 dias ou perde a validade. O presidente lembrou que a medida não agradou aos líderes sindicais e afirmou: “Cabe mais uma vez à população a fiscalização do cumprimento deste pleito ou se não há a possibilidade de derrota mediante votação ou não apreciação da matéria no prazo previsto, o que levaria também sua automática derrota no Congresso. O Brasil precisa estar atento, pois todo dia é um jogo de xadrez”.

Leia também:
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...