sexta-feira, 28 de junho de 2019

AGORA: No Japão, porta-voz do presidente Bolsonaro perde a paciência com perguntas tendenciosas de jornalistas - General Rêgo Barros




O porta-voz da presidência, General Otávio de Rêgo Barros, concedeu entrevista coletiva à imprensa sobre a participação do Brasil na reunião do G-20 e na reunião informal do BRICS. Barros apontou o grande otimismo do país com a abertura do mercado ao comércio com todo o mundo. 


O porta-voz explicou que as negociações para a entrada do Brasil na OCDE avançam rapidamente e de forma sólida. Ele reforçou que o Brasil se reuniu com o secretário-geral da OCDE que avançou uma expectativa extremamente positiva sobre a inserção do Brasil. “Existe uma seleção de países e uma cronologia, mas o Brasil está muito bem posicionado porque atende à maioria dos pré-requisitos daquela organização”, afirmou. O porta-voz também apontou a reunião com o representante do Banco Mundial, “que demonstrou o apreço que tem pelo Brasil e pelas propostas do presidente sobre a abertura de mercado e outros pontos importantes no ambiente globalizado em que vivemos”. 

Entre os temas considerados difíceis no G-20, foram mencionados o clima e o comércio. O porta-voz reafirmou que o Brasil permanece no Acordo de Paris e apontou a importância da discussão dos subsídios. O embaixador brasileiro explicou: “Nossa posição é a mesma que mantivemos em junho. Para o Brasil, é muito importante o tratamento equilibrado do tema. Se formos nos debruçar sobre subsídios industriais, o mesmo esforço, com a mesma intensidade, deve ser aplicado a subsídios agrícolas”.

Barros explicou ainda que o presidente Jair Bolsonaro já se encontrou com o presidente Emmanuel Macron, da França, e com a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, com resultados positivos para todos os países, e rechaçou as tentativas da velha imprensa de criar conflitos artificiais.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...