terça-feira, 18 de junho de 2019

Bolsonaro ‘alfineta’ senadores que ignoraram o povo: ‘Nem todo mundo possui condição de ter seguranças armados’


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O presidente Jair Bolsonaro, pelas redes sociais, lamentou a decisão do Senado, que ignorou os apelos da população e suspendeu o decreto que flexibilizava a posse de armas. Bolsonaro “alfinetou” os senadores, que,  tendo segurança armada paga pelos contribuintes, recusam aos cidadãos o direito à defesa. O presidente questionou: “Quem deixa de ter acesso a armas de fogo com leis de desarmamento, o cidadão que quer apenas se proteger ou o criminoso, que, por definição, não segue as leis? O direito à legítima defesa não pode continuar sendo violado! Nem todo mundo possui condição de ter seguranças armados”.

Ouça: 


Mais cedo, logo após a votação, o presidente já tinha feito um apelo aos deputados para que revertam a decisão dos senadores. Bolsonaro disse: “Por 47 a 28, o Senado derrota nosso Decreto sobre CACs e Posse de Armas de Fogo. Esperamos que a Câmara não siga o Senado, mantendo a validade do nosso Decreto, respeitando o Referendo de 2005 e o legítimo direito à defesa”.

Leia também:
Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...