quarta-feira, 17 de julho de 2019

Presidente Bolsonaro é aplaudido ao anunciar 'quimioterapia' para salvar o Brasil e denunciar o PT e Venezuela em discurso na Cúpula do Mercosul



O presidente Jair Bolsonaro participou da Sessão Plenária da Cúpula do Mercosul e discursou sobre os rumos do bloco nos próximos anos. Assumindo a presidência pró-tempore do Mercosul, Bolsonaro afirmou o compromisso com a modernização e a abertura do bloco, fazendo dele um instrumento de comércio com o mundo, sem viés ideológico.

Para Bolsonaro, a barreira ideológica foi vencida e a conclusão do acordo com a União Europeia é o resultado concreto dessa nova orientação. Segundo o presidente, o bloco deve concentrar-se em três áreas: negociações externas, tarifa externa comum, e reforma institucional. 

Bolsonaro afirmou que pretende promover um “Mercosul de menos discurso e mais ação, sem ideologia e com muito mais resultados”, promovendo liberdade, democracia, paz e segurança na América do Sul. O presidente afirmou: “Não queremos uma ‘Pátria Grande’. Queremos que cada país seja autônomo e democrático”. 

O presidente lembrou o caso da Venezuela, questionando como um país tão rico pode chegar ao ponto a que chegou, e respondeu: “Populismo, irresponsabilidade e projeto de poder de um grupo que não tinha limites. Quase afundaram o Brasil nesse populismo”. Bolsonaro pediu responsabilidade no voto para eleger representantes que tenham compromisso com liberdade e democracia.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...