terça-feira, 12 de novembro de 2019

Delegado Pablo denuncia 'podres' de Lula frente a frente com petistas na CCJ - Segunda Instância



Em pronunciamento na CCJ da Câmara dos Deputados durante debate a respeito da prisão após condenação em segunda instância, o deputado federal Delegado Pablo, integrante da Polícia Federal e do PSL - partido do presidente Jair Bolsonaro, apontou "podres" do ex-presidente Lula frente a frente com petistas.

"A presunção de inocência não é o que está sendo falado aqui. Confunde-se para deturpar a lógica da execução da pena antes do completo trânsito em julgado. Isso acontece em todos os países civilizados do mundo. Estados Unidos, Alemanha, Suécia. Todos fazem execução provisória da pena e mantêm os condenados presos", explicou ele.

"Passamos por uma montanha-russa jurídica no Brasil. Os ministros mudaram o entendimento por casuísmo político. Essa casa aqui tem o dever, em nome da segurança dos brasileiros, de consertar esse erro", argumentou o parlamentar.

"Dizem que Lula não fez nada, que o sítio não é dele, a casa não é dele, ele não é bandido. Participei da CPI do BNDES e o delator falou que ele levou na casa de bilhões. E ele não tem nada a ver com isso?", questionou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...