quinta-feira, 7 de novembro de 2019

Ivan Valente, do PSOL, tenta depreciar Bolsonaro e é retrucado por General Heleno e Major Vitor Hugo: 'Jogaram o Brasil no abismo!'



Em participação na Comissão de Integração Nacional, General Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, retrucou declarações de Ivan Valente, do PSOL, e defendeu o presidente Jair Bolsonaro.

"Existem algumas coisas que precisam ser esclarecidas e vou tentar ser o mais breve possível. Em primeiro lugar, eu lamento muito que o Estadão, que é um jornal sério e respeitado, com uma longa trajetória na imprensa brasileira, tenha editado uma reportagem produzida por um repórter cuja ética jornalística deixou muito a desejar (...) Ele veio com uma pauta pronta. Queria me caracterizar como defensor do AI-5. Isso não passa pela minha cabeça", asseverou.

"Ele me abordou quando eu estava chegando de uma viagem de 10 dias, estava sem contato diário com o que estava acontecendo com o Brasil. Doze horas de fuso de diferença. Não disse que estava gravando, é ética jornalística. Eu não sabia o que o Eduardo Bolsonaro tinha falado, não tinha a menor noção do prosseguimento da fala dele", complementou.

"A primeira coisa que eu disse é que qualquer sugestão teria que ser estudada. Em nenhum momento, eu me coloquei a favor do AI-5 ou levantei a possibilidade de ser utilizado. Já afirmei, em outras ocasiões, que o AI-5 foi editado em uma conjuntura completamente diferente da atual. A Constituição Federal de 1988 possui instrumentos como o Estado de Defesa, Estado de Sítio e Intervenção Federal. São previstos exatamente para assegurar a ordem e o bem-estar social. Para que sejam restaurados em estado de crise. (...) Deixem o presidente Bolsonaro governar 4 anos. Vocês governaram 20 anos e jogaram o Brasil no abismo", protestou o oficial.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...