domingo, 15 de dezembro de 2019

General Mourão chuta o balde sobre falhas na legislação brasileira: 'Tratam policial como cachorro'




Em pronunciamento proferido durante passagem por Santa Catarina, o vice-presidente da República, General Mourão, protestou diante do caráter leniente da legislação brasileira e assestou eixos e vetores do Governo Bolsonaro para lidar com a segurança pública.

"Um grande aspecto é a questão da segurança pública. São quatro vetores. O primeiro vetor é a legislação. É leniente. O camarada comete um crime, a pessoa morre e cinco anos depois ele está na rua. A família ainda está chorando. Policial, então, esse é pior que cachorro. Não tem família, não tem nada", criticou.

"Sistema penal: não pode nem ser uma masmorra medieval, onde estão misturados ladrão de galinha e bandido de alta periculosidade, e nem colônia de férias. Marginal tem que estar isolado pagando a sua pena. Aparato policial: a policial tem que estar valorizada. Tecnologia e integração. Respeito ao trabalho executado pela polícia", acrescentou.

"Também há a questão social. Sem trabalhar a questão social, tudo será enxugar gelo. Nas periferias, na favela, tem que ter casa com número, água encanada, luz elétrica, esgoto. Tem que ter escola, postos de saúde que funcionem. Se não trabalharmos isso, será um eterno 'enxugar de gelo'. Saúde, educação", salientou o oficial.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...