segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

Maria do Rosário ataca ministro da Educação de Bolsonaro e recebe 'corretivo' de Caroline de Toni e Carla Zambelli



No decorrer da participação de Abraham Weintraub, ministro da Educação do Governo Bolsonaro, em reunião na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, Carla Zambelli e Caroline de Toni, aliadas do presidente Jair Bolsonaro, rebateram ataques e insultos de Maria do Rosário ao ministro.

"Considero que o Ministério da Educação está acéfalo. Não há condução, não há política pública. O plano nacional de educação não está sendo cumprido. As diretrizes e metas da Câmara estão sendo desconsideradas. Por não conseguir trabalhar com planejamento. Vejo uma baboseira ideológica do ministro. Não quer saber de educação? Que vá fazer outra coisa", declarou Maria do Rosário.

"Ministro, o ideal seria fazer uma convocação para falar um pouco do futuro e não das tragédias do passado. Eles conseguem ter uma ética, uma antiética muito diferente de nós. (...) É uma oposição boba, não é? O senhor já provou que estava certo", rebateu Carla Zambelli.

"É um fato público e notório que as universidades têm sido, há décadas, locais de livre consumo e, muitas vezes, de comércio de drogas. O senhor nada mais fez do que demonstrar fatos concretos e de conhecimento público", asseverou Caroline de Toni. "Não pode haver um desvirtuamento da autonomia. As universidades têm sido um laboratório da aplicação da Teoria Crítica, desse ramo marxista. Um verdadeiro laboratório para a manipulação das mentes desses jovens", ressaltou a parlamentar.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...