segunda-feira, 30 de dezembro de 2019

Paulo Guedes revela 'estratégia de guerra' de Bolsonaro para derrubada de privilégios, vitória na economia e na Reforma da Previdência



Em palestra no "2º Macro Day - Banco BTG Pactual", ocorrida neste ano, Paulo Guedes, ministro da Economia do Governo Bolsonaro, aventou a estratégia do Governo Bolsonaro que permitiu a aprovação da Reforma da Previdência e o avanço dos esforços no combate a privilégios.

"Nós trabalhamos, realmente, muito. Essas coisas estão começando a aparecer agora. Parte da estratégia era justamente não deixar aflorar essas outras coisas...Se você começa a discutir uma Reforma Previdenciária e, ao mesmo tempo, tem uma tributária, é inevitável que alguém diga 'olha, eu só aprovo isso se ali...'. Então, você tinha que realmente deixar a coisa", asseverou.

"Isso é Júlio César, é Napoleão, é batalha decisiva, é o ponto decisivo, você ganha ou perde o mandato. Eu dizia para o presidente Jair Bolsonaro desde a campanha. Falava sobre a Previdência e dizia: 'O buraco fiscal que ameaça a economia e o Brasil inteiro é a previdência, temos que atacar isso'. Ele tinha uma posição muito coerente", relatou.

"Bolsonaro dizia: 'Enquanto o governo for essa confusão de desvio de recursos, a natureza do meu mandato é defender essas pessoas que votaram em mim como deputado federal'. Conseguimos fazer o primeiro semestre com o menor déficit dos últimos 4 anos. Isso significa que estamos segurando as coisas direito no front fiscal. Eu sempre trabalho a estratégia - se o maior gasto é a previdência, Secretaria Especial da Previdência. Privatização, Reforma do Estado, abertura da economia", frisou o ministro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...