sábado, 18 de janeiro de 2020

Onyx Lorenzoni 'desnuda' atos maléficos de Lula e do Foro de SP, defende general e Bolsonaro e ataca comunistas



Em pronunciamento por ocasião de cerimônia alusiva à Operação Acolhida, a qual ocorre na fronteira com a Venezuela e é gerida pelo Exército Brasileiro com a finalidade de acolher imigrantes do país vizinho, Onyx Lorenzoni, ministro-chefe da Casa Civil, "desnudou" atos de Lula e de seus aliados, advertiu sobre o Foro de São Paulo e defendeu o General Pazuello.

"Uma operação de resgate da dignidade de milhares de seres humanos. Vejam a ironia: vítimas daqueles que os que lhe criticaram apoiavam. Portanto, é muito importante, neste momento, que a gente possa reconhecer todo o esforço que as Forças Armadas brasileiras fizeram para permitir que todos nós pudéssemos nos emocionar com as crianças de Pacaraima", encetou ele.

"A liberdade une, a liberdade constrói. General Pazuello, foi um esforço pessoal seu que permitiu que o Brasil pudesse hoje apresentar ao mundo a melhor operação de acolhimento e tratamento de refugiados no mundo. Este resgate precisa ser lembrado. O Brasil, desde que mudou de rumo, desde que o presidente trouxe a verdade como um valor essencial e conectou com a liberdade, a gente pode dizer: aqui, temos vida", acrescentou o ministro.

"Temos recuperação da dignidade. Fundamentalmente, o que o presidente Bolsonaro lembra a nós sempre: mais importante que a preservação da vida é a nossa liberdade. São meio milhão de pessoas que passam por essa ação humanitária e voltam a ter esperança. O que os chavistas, que não dão valor à vida humana, fizeram...nós não vamos esquecer", salientou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...