terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Paulo Guedes expõe como redes sociais derrubaram manipulações da mídia e mostra otimismo surpreendente com o Brasil



Em reunião com prefeitos e secretários, Paulo Guedes, ministro da Economia do Governo Bolsonaro, aventou suas percepções a respeito dos avanços da democracia brasileira e fez previsões no que concerne a projetos para recuperar a economia. Os diálogos ocorreram em 2019.

"Eu acredito firmemente. Eu não teria vindo se eu não acreditasse nessa dinâmica virtuosa. Muita gente me perguntou até durante a campanha: 'Como você vai, uma confusão, uma briga?'. Não vejo isso. O Brasil é uma democracia madura, extraordinária, poderes independentes. Até a mídia tomou um susto agora achando que tinha o controle da opinião pública e não tem, pois tem as redes sociais", salientou.

"Nós somos um país interessante, generoso. Fomos para duas hiperinflações. Você acompanha historicamente. (...) Na hiperinflação alemã, um livro de um economista italiano analisando, comeram cachorros, cavalos. No Brasil, todo mundo passou fome, mas não comeu os bichos, todos dando comida para cachorros, cavalos", acrescentou.

"O povo viu a Dilma, olhou o livrinho e tirou por irresponsabilidade fiscal. (...) Nós aprendemos a tomar conta de nós mesmos. (...) Não é normal, imagine hipoteticamente, se o presidente Bolsonaro é Vasco, é Palmeiras, ele gosta de dois ou três países e surge um porto em um...começam a acontecer coisas que não são normais. O Obama, o Trump não têm este poder. Ele está com uma dificuldade enorme para fazer um muro", sublinhou o ministro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...