sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Bolsonaro 'arrebenta' João Doria e Wilson Witzel, defende Alexandre Garcia e detona jornalistas



Em coletiva de imprensa, o presidente Jair Bolsonaro criticou severamente os governadores João Doria e Wilson Witzel. O chefe de Estado depreciou, ademais, manipulações da imprensa e defendeu o jornalista Alexandre Garcia.

"Você viu, em algum momento, eu atacando o Witzel ou o Doria? Vocês são da imprensa e não sabem? Quando acabei meu discurso na ONU, o povo gostou e o Doria criticou. O Doria e o Witzel são, pelo que sei, candidatos para 2022. Direito deles. Agora, me colocar como obstáculo...tenho que ser massacrado para eles atingirem seus objetivos?", encetou ele.

"Doria e Witzel não aceitaram a escola cívico-militar. Agora, estamos negociando diretamente com os prefeitos. Escolas que deram certo. Colocamos uma série de normas para alunos. Se é para ser como são as outras, a gente não entra nessa! Olhem a prova do PISA. Estamos em último, não podemos ser ultrapassados por ninguém", salientou Bolsonaro.

"Por isso que se forma jornalistas que não sabem nem fazer perguntas ou colocam no papel o que não tem a ver com a realidade. Os governadores me elegeram como alvo. 'Se ele for candidato, vão ele e o PT para o segundo turno e estamos fora'. Eu não estou preocupado com isso. Não estou preocupado com eleição. Agora, pergunte para o Witzel como está a água no Rio de Janeiro", ressaltou o presidente.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...