segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

Paulo Guedes protesta contra impostos do 'quinto dos infernos' e dá depoimento sobre Bolsonaro



Paulo Guedes, ministro da Economia do Governo Bolsonaro, aventou como pretende simplificar e reduzir impostos no Brasil. Ele salientou como as necessárias reformas envolvem diferentes dimensões, tais como a fiscal, a administrativa e a federativa. O pronunciamento ocorreu em 2019.

"O terceiro pilar, a simplificação de impostos, entra também e não é só para simplificar a vida de quem produz. Tem uma conexão orgânica com essa descentralização de recursos. É interessante para governadores, prefeitos, classe política em geral aprovar esta reforma. Os recursos vão descendo. Se não se faz isso, tem que desacelerar a abertura da economia", encetou o ministro.

"Se você amarra uma bola de ferro em uma perna direita, juros altos, bola de ferro na perna esquerda, juros elevados, piano nas costas, encargos trabalhistas, depois abre o mercado e grita para o brasileiro: 'Corre que o chinês vai te pegar!'. Não é razoável. Queremos implementar isso em uma velocidade que seja sincronizada", acrescentou Guedes.

"Nós temos as privatizações, temos a simplificação tributária. Olhando para a frente o ideal é que tivéssemos no máximo 20% do PIB como carga tributária. Acima disso, é o 'quinto dos infernos'. Tiradentes morreu por isso. Estamos em 36% hoje. Vai ser difícil. O que mais precisamos é não deixar se expandir no ritmo em que estávamos expandindo", asseverou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...