quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

URGENTE: Ex-chefe de Hans River desmente Patrícia Campos Mello, da Folha de S. Paulo, e deputado de Bolsonaro convoca



Em resposta ao deputado federal Carlos Jordy - aliado do presidente Jair Bolsonaro -, Lindolfo Antônio Alves Neto, ex-chefe de Hans River do Rio Nascimento e sócio da empresa Yacows, desmentiu matéria de Patrícia Campos Mello, da Folha de S. Paulo, a respeito de supostos disparos em massa do PT.

"Essas informações procedem? Empresários bancaram campanha contra o PT de forma ilegal?", questionou Jordy.

"Desconhecemos completamente e não fomos pagos por qualquer meio ilegal. Respeito o trabalho, toda tentativa de contato sempre foi no mais alto nível profissional, mas o que saiu na imprensa não aconteceu de forma alguma", respondeu Lindolfo.

O parlamentar Jordy, por seu turno, sintetizou: "Então, essa reportagem que ela fez acusando levianamente o presidenciável Jair Bolsonaro é uma mentira. Eu afirmei e vou reafirmar a necessidade de convocar a jornalista Patrícia Campos Mello. Convidada, não. Vamos convocar. Se vamos convocar o senhor Hans River para dirimir quaisquer dúvidas, alguns já estão até fazendo juízo de valor. Se vamos convocá-lo, também temos de convocar a jornalista. Essa CPI não pode ser parcial, tem que ser imparcial".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...