segunda-feira, 9 de março de 2020

Bolsonaro denuncia fraude nas urnas eletrônicas em 2018, destroça Dilma em discurso nos EUA e convoca para 15 de março



Em pronunciamento para a comunidade brasileira em Miami, nos Estados Unidos da América, o presidente Jair Bolsonaro fez declarações impactantes sobre sua história de vida e a respeito de sua trajetória política. O chefe de Estado alfinetou a ex-presidente Dilma Rousseff, homenageou o General Heleno e apresentou sua visão de Brasil.

"É um prazer estar aqui com brasileiros que trabalham, que querem o bem de seu país, que respeitam essa pátria maravilhosa chamada Estados Unidos. Não vou desistir. Muitas vezes, me pergunto o que estou fazendo aqui. Confesso que jamais esperava chegar à situação em que me encontro", encetou ele.

"Milagres acontecem. (...) Dilma quer 'destruir a destruição' agora. Eu pensava: 'O que esse pessoal tem feito para fazer o povo brasileiro votar neles, com todas essas acusações de corrupção?'. Sempre desconfiei do voto eletrônico", salientou o presidente.

"O que me deixou vivo foi a esperança, a fé, as orações e a crença em Deus. (...) Pelas provas que tenho em minhas mãos, fui eleito no primeiro turno, mas houve fraude. Precisamos aprovar, no Brasil, um sistema seguro de votação, voto impresso!", argumentou Bolsonaro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...