quinta-feira, 5 de março de 2020

Bolsonaro retruca ataques da imprensa sobre 'banana' de Carioca, denuncia distorções sobre PIB e desabafa



Em sua live semanal, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre o peso da burocracia, que atrapalha o empreendedorismo e atravanca a economia. O secretário de Aquicultura, Jorge Seif Jr., mostrou que, para obter uma cessão de águas da União para o cultivo, o prazo era de até 13 anos, com uma montanha de documentos apresentados a vários órgãos. Com a ação do governo Bolsonaro, o prazo já foi reduzido para de 3 a 4 anos, e deve cair para 15 meses, em um processo online.

Bolsonaro disse que tratou do tema da desburocratização também com empresários em seu encontro em São Paulo, que relataram as dificuldades criadas por normas da Receita Federal. Bolsonaro disse que, no encontro, viu o otimismo dos empresários com a economia, e relatou que a classe produtiva comemora o crescimento da economia que a imprensa tenta esconder.

O presidente criticou a cobertura feita pela imprensa a respeito do PIB, que cresceu 1,1%, e comparou com o PIB negativo do governo Dilma. Bolsonaro afirmou que a velha imprensa distorce o que ele diz, e, quando ele não diz nada, inventa. O presidente exemplificou também com a manutenção do Veto 52, lembrando que o veto foi mantido por 398 votos a 2, e mesmo assim a imprensa divulgou um suposto acordo. Sobre isso, Bolsonaro disse: “Mentem descaradamente”.

O presidente falou sobre a GLO no Ceará, afirmando que irá evitar decretar GLOs enquanto a excludente de ilicitude não for aprovada. Bolsonaro falou sobre sua viagem a Miami no próximo sábado, sobre o evento “Tambaqui na Paulista”, sobre a criação de uma área de interesse turístico na região da Baía de Angra e a liberação de pesca esportiva, assim como a oposição da extrema-esquerda. Bolsonaro também falou sobre a gravação do programa humorístico que irritou a velha imprensa.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...