quarta-feira, 13 de maio de 2020

Eduardo Bolsonaro rebate após manifestantes contrários a Alexandre de Moraes, do STF, se tornarem réus



Em transmissão ao vivo com o deputado estadual Gil Diniz, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, criticou atos de autoritarismo e censura e se pronunciou a respeito de cidadãos que se tornaram réus por protestarem contra Alexandre de Moraes, ministro do STF.

"Nós estamos indo para um lado que...o pessoal acusava o presidente Jair Bolsonaro de ser ditador, que ia acabar com as liberdades individuais, mas é justamente o que mais dá liberdade para criticarem. No caso dos outros, a recíproca não é verdadeira. O ministro Alexandre de Moraes, do STF, teve a coragem de mandar prender dois idosos aqui em São Paulo. Nos colocamos à disposição porque entendemos que é injusta essa prisão e é injusto esse processo que receberam", asseverou Gil Diniz.

"Há uma caçada deliberada para tentar calar as nossas vozes. Seja através de políticas falaciosas das redes sociais, seja através de instrumentos do Poder Judiciário, instituições, parte da grande imprensa. A CPMI das Fake News...é inacreditável o que está acontecendo", pontuou Eduardo Bolsonaro.

"É importante ter mais gente boa e de dentro da política. Precisamos colocar as pessoas boas ali dentro. Não se enganem pensando que é fácil", frisou o parlamentar.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...