quarta-feira, 27 de maio de 2020

URGENTE: Deputado de Bolsonaro confronta ministro Alexandre de Moraes, do STF, após busca e apreensão e denuncia violações - Otoni de Paula



Em pronunciamento ao vivo, o deputado federal Otoni de Paula, aliado do presidente Jair Bolsonaro, confrontou o ministro Alexandre de Moraes, do STF, ao abordar recentes ações do inquérito 4781, conhecido como "inquérito de Toffoli" ou "inquérito das Fake News". Consoante o parlamentar, o ministro Alexandre de Moraes viola a Constituição Federal ao considerar que alguns cidadãos têm mais "peso" que outros.

"Não existe cidadania maior ou menor. A cidadania tem o mesmo peso. A cidadania de Carmen Lúcia tem o mesmo peso, exatamente o mesmo peso, que a cidadania da Dona Raquel, que trabalha aqui em casa. Nós não temos cidadãos de primeira classe, de primeira categoria neste país. Por isso, quero chamar a atenção para este absurdo que vivemos hoje neste país", encetou Otoni.

"O ministro Alexandre de Moraes, do STF, por se sentir vítima do que ele diz serem ataques nas redes sociais, ele resolveu ser, agora, a vítima, o delegado, o promotor e o juiz do mesmo processo. Ou seja, ele se sente a vítima. Portanto, ele se sente a vítima, faz o inquérito, faz a acusação e julga", prosseguiu ele.

"Isso é um absurdo. Isso é surreal. O que está fazendo com Allan dos Santos, do Terça Livre, com Bia Kicis, com Roberto Jefferson (...). Isso é absurdo! Quer tirar os direitos de eles se manifestarem publicamente! Que país é esse? Você acha que eu vou ter medo de Alexandre de Moraes, do STF? Ele não é cidadão de primeira classe, de primeira categoria, não é Deus!", salientou o deputado.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...