quarta-feira, 24 de junho de 2020

‘A percepção do povo brasileiro é de que o Senado está sendo omisso’, diz senador alvo de inquérito de Alexandre de Moraes





Durante sessão plenária do Senado, o senador Arolde de Oliveira comentou sua inclusão em um dos inquéritos conduzidos pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. O senador registrou alguns aspectos importantes: Todos os parlamentares apoiam o governo federal; Ministro é o mesmo do outro inquérito, também contrário ao governo federal; e Decisões monocráticas de outros ministros buscam limitar a autoridade formal do chefe do poder executivo e desgastar a imagem do presidente Jair Bolsonaro; e concluiu: “O nível de convergência dessas ações parece indicar a existência de uma vontade política, resultante de ativismo, completamente estranha às atribuições constitucionais da Corte”.




O senador apontou ainda que o país, que foi devastado pela corrupção nos últimos governos, atravessa três graves crises simultâneas:  sanitária, econômica e política. O senador afirmou: “Se a crise política não for superada, as outras duas crises serão agravadas a níveis inimagináveis”. Em seguida, apontou que a solução da crise vem do Senado. 

Arolde de Oliveira apontou que “a percepção do povo brasileiro é de que o Senado está sendo omisso em relação ao que considera abuso de autoridade de ministros do STF”. O senador disse: “Entendo que o senado tem competência para estabelecer limites constitucionais à atuação monocrática de togados. Na sua percepção, a população quer que pelo menos os requerimentos de impeachment e criação de CPIs prosperem dentro da Casa”.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...