sexta-feira, 19 de junho de 2020

Marco Aurélio Mello dá ‘aula’ de Direito ao STF e diz que inquérito conduzido por Alexandre de Moraes é ‘verdadeiro juízo de exceção’




O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello, em voto solitário no julgamento que decidiu pela validade do chamado “inquérito de Toffoli”, deu uma aula de Direito ao explicar por que considera que o inquérito conduzido por Alexandre de Moraes é um procedimento “natimorto”. O ministro explicou aos colegas, e ao povo brasileiro, os fundamentos do Direito Penal e do Processo Penal, e mostrou que o inquérito criado por vontade própria do ministro Toffoli, e conduzido por Alexandre de Moraes sem respeito às regras do Direito, simplesmente não poderia existir.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...