segunda-feira, 28 de setembro de 2020

PF ‘tem que prender bandido e não ficar perseguindo politicamente adversários de certas pessoas’, diz deputada Bia Kicis



A deputada Bia Kicis, em live, comentou os inquéritos conduzidos por Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, e a CPMI das Fake News. Bia Kicis lembrou que tanto a CPMI quanto os inquéritos são baseados em depoimentos dos deputados Joice Hasselmann e Alexandre Frota, que utilizaram um documento produzido por Luciano Ayan. Bia Kicis apontou que há fortes indícios de crimes praticados pelos três, e que o deputado Frota foi denunciado esta semana em investigação por lavagem de dinheiro. Bia Kicis afirmou: “Ou seja: já era para ter encerrado essa CPMI, e esse inquérito também. Baseado em pessoas falsas, pessoas que cometem crimes reais e não crimes imaginários. Não existe crime de fake news”.

A deputada também comentou o depoimento que deu à Polícia Federal no âmbito do inquérito dos “atos antidemocráticos”, e afirmou: “é um absurdo a PF ser obrigada a ficar ouvindo pessoas que não cometem crime, não são ameaça nenhuma para o País, como eu, e acho que todos nesse inquérito”. Bia Kicis acrescentou: “Tem que prender bandido e não ficar perseguindo politicamente adversários de certas pessoas em uma certa Corte”, lembrando que ministros do Supremo nem deveriam ter adversários políticos, já que não podem fazer política. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...