terça-feira, 17 de novembro de 2020

Parlamentares, jornalistas e cidadãos se manifestam contra prisão do jornalista Oswaldo a mando de Alexandre de Moraes



A prisão domiciliar do jornalista Oswaldo Eustáquio, a mando de Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, causou uma onda de indignação. Diversos parlamentares, jornalistas e cidadãos manifestaram-se pelas redes sociais. 

A deputada Bia Kicis afirmou: “A Polícia Federal amanheceu o dia na casa do jornalista Oswaldo Eustáquio. . O ministro Alexandre de Moraes, do STF,  alega descumprimento de cautelares e acusações falsas sobre Guilherme Boulos em sua campanha. A origem do inquérito é ilegal e todos os atos decorrentes não encontram amparo legal. A mídia está repleta de desinformação todos os dias e não vejo nenhum deles sendo censurados - nem deveriam, ou presos. E o ministro Alexandre continua levando a sério esse inquérito das trevas. Democracia sob ataque sob os aplausos da mídia cúmplice”.

O jornalista Allan dos Santos disse: “O blogue O Antagonista, de modo sutil e pernicioso, NÃO TECEU uma linha para criticar o tiranete Alexandre  de Moraes acerca da prisão de Oswaldo Eustáquio na manhã de hoje. Isso mesmo: outrora CENSURADOS por Moraes, os ANTAS acham NORMAL o que está acontecendo”.

Bárbara, do canal Te atualizei, disse: “Pelo o q eu entendi Oswaldo Eustaquio foi preso porque foi até São Paulo investigar a história do Laranjal do Boulos. Segundo matéria da folha, Alexandre de Moraes mandou prendê-lo por ter "saído sem avisar" e por usar as redes sociais, coisa que Xande proibiu. Hoje em dia a galera é presa por pouca coisa demais... Flordelis mandou um abraço gigante pra galera do nosso judiciário. rs, rs, rs”.

Ao citar uma matéria da BBC sobre contratações do TSE sem licitação, ela complementou: “Olha aqui Alexandre de Moraes... Olha aqui o que a grande mídia fica "colocando entre linhas na minha cabeça". Depois eu faço um vídeo dissertando sobre o quanto essa eleição foi no mínimo ESTRANHA, o Barroso fica chateado e você manda o Uber Black na minha casa”.

Bárbara também disse: “André do Rap, narcotraficante internacional, saiu pela porta da frente com o aval do STF, em seguida fugiu. Oswaldo Eustaquio, jornalista preso pelo STF, porque foi a São Paulo fazer uma denúncia e não pediu autorização. Esse é o Brasil, pra quem ainda não tinha noção”.

O deputado Eduardo Bolsonaro alertou: “Determinar que um jornalista independente seja proibido de usar suas redes sociais é determinar sua morte por inanição. Ao que parece não é só o sleeping giant que aderiu à estratégia de "follow the legal money"”.

O jornalista Renan Morais disse: “O Oswaldo Eustáquio está agora na superintendência da Polícia Federal e teve busca e apreensão em casa hoje cedo. Vamos aguardar para ver qual foi o abuso de poder dessa vez. Provavelmente mais uma bizarrice jurídica”.

O deputado José Medeiros lamentou: “Oswaldo Eustáquio preso político, uma tristeza isso acontecendo no Brasil”.

A jornalista Fernanda Salles afirmou: “No Brasil, invasor de propriedade que atiça militância a praticar atos violentos e colocar fogo em pneu concorre à prefeitura na mais perfeita normalidade e jornalista que denuncia bandidos é PRESO pelo STF e tem que usar tornozeleira eletrônica. Brasil, meu Brasil brasileiro”.

O deputado Daniel Freitas questionou: “Quem é mais perigoso: André do Rap do PCC ou o jornalista Oswaldo Eustáquio?”.

O advogado Fábio Talhari publicou fotografias lado a lado e disse: “O da esquerda é André do Rap. Traficante internacional, foragido. Solto pelo STF. O da direita é Oswaldo Eustáquio, jornalista que está denunciando o locador-filósofo, "queridinho" do "lamestream". Preso pelo STF. Entenderam o que é o STF, ou é preciso que eu desenhe?”

O perfil Bolsonéas, que também é investigado nos inquéritos de Toffoli e Moraes, questionou: “Não sou especialista em leis. Mas o correto não seria Oswaldo Eustáquio passar por um julgamento e ter a oportunidade de apresentar as provas da sua denúncia? Aí sim depois disso ser ou não punido por uma eventual "calúnia ou difamação"? O que está acontecendo com o nosso país?”. 

A ex-deputada Cristiane Brasil se manifestou, dizendo: “Prenderam novamente nosso guerreiro Oswaldo Eustáquio por crime de opinião. Mas traficante internacional eles soltam. Força irmão!”. Cristiane Brasil questionou: “Cadê a união da direita pra defender o irmão Oswaldo Eustáquio? Não podemos esmorecer não! É nossa liberdade de expressão, de imprensa que está em jogo aqui! Mais fake news que a Globo fala impossível! E qual das versões pro atraso na apuração tá valendo?”

Ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou: “O JORNALISTA, Oswaldo Eustáquio, acaba de ser...amordaçado”.

O jornalista Rodrigo Constantino retweetou o post em que a assessoria de Eustáquio informou sobre a prisão, e disse: “E lá vamos nós…”

O deputado federal Paulo Eduardo Martins afirmou: “Os inquéritos das fake news e dos atos antidemocráticos são ilegais e tudo que decorre deles deve ser repudiado, independente de você gostar ou dos alvos das ilegalidades. Ilegalidades são incompatíveis com a democracia”.

Arthur Weintraub, da secretaria de Acesso a Direitos da OEA, afirmou: “Cada dia vemos coisas piores. Mas mantenho o otimismo. Eu agradeço de coração, sempre, cada um de vocês que nos acompanham e dão força, nos poucos espaços que ainda temos alguma voz. Fiquem certos que vocês estão nas minhas orações. O nosso caminho não tem volta. Deus os abençoe”.

O ativista Alexandre Zahra conclamou: “Eu quero ver os Parlamentares da Direita defendendo Oswaldo Eustáquio, Jornalista, de mais essa prisão absurda ! Não estou falando de 1 ou 2 parlamentares !”. 

O ativista Henrique Olliveira disse: “O jornalista Oswaldo Eustáquio faz uma denúncia gravíssima com base na declaração de um deputado. Ao invés de a denúncia ser investigada, mandam prendê-lo. Olha…”

Olliveira acrescentou: “O Deputado NEREU CRISPIM, que iniciou o malfadado "inquérito das fake news", CONFESSOU que tudo foi uma armação da cúpula do PSL. E AGORA? Isso não será investigado e o inquérito prossegue? Perguntar não ofende, né?! Se bem que no Brasil, não só ofende como dá até cadeia…”

Respondendo a um comentário que tentava desqualificar o jornalista, ele acrescentou: “Ele não é blogueiro, é jornalista. Essa tentativa de retirar sua credibilidade é PATÉTICA. Toda imprensa deveria estar indignada com a prisão de um jornalista nessas condições. Mas a imprensa está muda (e alguns até aplaudem). Afinal, Oswaldo é um "adversário político", né?!”

Por fim, ele resumiu: “Quer entender o Brasil? BOULOS: invasor e destruidor de propriedades está solto e no 2o turno para prefeito de SP. OSWALDO EUSTÁQUIO: jornalista, preso no inquérito em que o próprio denunciante (Dep. NEREU CRISPIM) confessou ser uma farsa da cúpula do PSL. É isso”. 

O ativista Paulo Pavesi disse: “Lamentável. Soube do mandado de prisão do Oswaldo. Nem Adélio sofre perseguição como Oswaldo. Quero ver quando o Allan voltar. Este está ferrado”.

Ravox Brasil, que também é alvo dos inquéritos presididos por Alexandre de Moraes, disse: “Sem palavras para expressar o que sinto e o MEDO dos rumos que o Brasil tende a escolher. Ele apresentou provas (áudios)! Não foi uma denúncia vazia. Se tirarmos as vendas dos olhos, a realidade à frente, é triste, perigosa!”

O ativista Rodrigo Moller explicou: “Sobre Oswaldo Preso Politico: 1) Osvaldo Eustáquio é jornalista e não blogueiro. 2) País que persegue jornalista se ainda não é esta no caminho para se tornar uma ditadura. 3) O STF precisa parar de perseguir jornalista, isso não é democrático”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...