sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Com duas delações premiadas, dobra o medo na campanha do PT, diz Lauro Jardim


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
O giro de reportagem da revista Veja comenta o impacto das delações premiadas e seu impacto sobre as campanhas eleitorais, em especial na campanha do PT. O jornalista político Lauro Jardim afirma que as duas delações premiadas - de Paulo Roberto Costa e de Alberto Youssef - aumentaram muito a tensão na campanha de Dilma e a esperança na campanha de Aécio Neves. Para Jardim, o PT deve agora se preocupar com o doleiro. Sem fatos novos, Dilma tem boas chances de vitória no segundo turno, mas uma possível bomba teria o poder de estragar a festa do PT. 


Veja o vídeo: 


Saiba mais:
Revista Exame aborda como o governo Dilma está 'destruindo' gradativamente a Petrobras
Dilma aguarda "dados oficiais" para comentar denúncias de ex-diretor da Petrobras
Marina poupa Dilma e diz que PT 'manteve a quadrilha' na Petrobras
Escândalo da Petrobras cai como bomba na campanha do PT
Dilma afirma que nunca desconfiou de irregularidades na Petrobras
Políticos citados em depoimento têm algo em comum: todos negam
'Petrolão', 'mensalão da Petrobras'... entenda o escândalo de corrupção na Petrobras
Petrobras alertou Dilma sobre ação de diretores
Marina diz que 'PT colocou diretor para assaltar cofres da Petrobras'
Gabeira diz que Brasil é 'abençoado por Deus e roubado com naturalidade'
Revista IstoÉ denuncia como o 'Petrolão' abasteceu a campanha de aliados de Dilma
Revista revela o elo entre os escândalos do mensalão e da Petrobras
Paulo Roberto Costa diz que ficará calado em CPI da Petrobras
STF libera circulação de 'IstoÉ' com reportagem que incrimina Cid Gomes
Paulo Roberto Costa diz que recebeu US$ 23 milhões de empreiteira no exterior


Folha Política
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...