segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Bolsonaro diz que escolheu Mourão por critério de governabilidade


Imagem:  Marcelo Chello / CJPress
O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) defendeu a escolha do general Hamilton Mourão (PRTB) como seu vice, durante almoço na Federação das Indústrias do Rio (Firjan), nesta segunda-feira, 6. Bolsonaro disse que o critério usado para a escolha de Mourão foi o da governabilidade. Além disso, afirmou que vai ter “um montão” de militares em seu governo. 

Leia também: 
General Mourão faz discurso impactante ao aceitar ser vice de Bolsonaro e vídeo se espalha na internet; assista

Para uma plateia de cerca de 170 empresários, Bolsonaro disse que “não escolheu uma mulher como vice só para ganhar voto”, mas admitiu que muitos assustaram-se por ter escolhido um general. “Tem partido, candidato, que escolhe o vice para fins eleitoreiros, que tem que ser de tal gênero. Eu quero governabilidade. Eu não faço acordo com o diabo para chegar lá”, disse.

Bolsonaro disse ainda que precisa de um vice “que meta o pé na porta”. Além disso, afirmou que o general Mourão é “uma pessoa culta, patriota e que tem responsabilidades e virtudes”. “O País tem problemas seríssimos para resolver e tem que ter um vice que trabalhe junto comigo e que não seja uma peça decorativa”, disse.

O candidato disse que haverá outros militares em seu governo como ministros, mas não especificou o número. “O Parlamento sempre tratou muito bem os integrantes das Forças Armadas quando tiveram que ir lá em comissões para debater assuntos”, justificou.

Veja também:




Constança Rezende
O Estado de S.Paulo
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...