domingo, 19 de agosto de 2018

Em pesquisa Ibope realizada em Santa Catarina, Bolsonaro aparece com 28% dos votos; segundo lugar tem 9%


Imagem: Betina Humeres / DC
Em pesquisa realizada no estado de Santa Catarina pelo instituto Ibope, o deputado Jair Bolsonaro aparece com 28% dos votos, tendo seis candidatos empatados tecnicamente no segundo lugar, no cenário em que Fernando Haddad foi apresentado como o candidato petista. 

Leia também: 
Alckmin pode perder 36% do tempo de TV

O jornal Diário Catarinense apresentou os resultados: 

Foram simulados dois cenários. No primeiro, com Lula (PT), há um empate técnico na primeira posição no limite da margem de erro. Jair Bolsonaro (PSL) aparece com 26% da preferência do eleitorado, contra 20% do petista. O segundo pelotão tem Marina Silva (Rede) com 7%, Alvaro Dias (Podemos) e Geraldo Alckmin (PSDB), ambos com 6%, Ciro Gomes (PDT) com 5% e Cabo Daciolo (Patriota), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB), João Amoêdo (Novo), Vera (PSTU) e João Goulart Filho (PPL), todos com 1%. Eymael (DC) não alcançou 1% das intenções de voto. Brancos e nulos somam 15% e 8% dos entrevistados não souberam ou não quiseram responder.

No segundo cenário, com Fernando Haddad (PT) no lugar de Lula (PT), Bolsonaro tem 28% dos votos. Neste caso, seis candidatos estão empatados tecnicamente na segunda colocação, considerando a margem de erro de três pontos percentuais: Marina Silva com 9%, Ciro Gomes com 8%, Alckmin com 7%, Alvaro Dias com 6% e Haddad e Amoêdo, ambos com 3%. Meirelles aparece com 2% e Cabo Daciolo, Boulos, Vera e João Goulart Filho somam 1% cada. Eymael não atinge 1%, enquanto brancos e nulos chegam a 18% e 12% das pessoas ouvidas não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa foi realizada no período de 14 a 16 de agosto, com 812 eleitores entrevistados em 46 municípios. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no TRE-SC sob o número SC-09381/2018 e no TSE sob o número BR-09360/2018.

Veja também:




Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...