quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Família de Geddel quer quebrar sigilo da PF para saber quem denunciou 'bunker' de R$ 51 milhões


Imagem: Reprodução / Redes Sociais
A defesa da família Vieira Lima pediu ao ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), a quebra do sigilo telefônico do Núcleo de Inteligência Policial (NIP) da Superintência da Polícia Federal (PF) em Salvador. O objetivo é descobrir de que número partiu a ligação anônima que levaria à descoberta do "bunker" na capital baiana onde eram escondidos R$ 51 milhões.

Leia também: 

O pedido foi feito pelo advogado Gamil Föppel, em nome do deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA) e de sua mãe, Marluce Vieira Lima. Os R$ 51 milhões guardados em um apartamento em Salvador levaram, em setembro do ano passado, à prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, irmão de Lúcio. Os três são réus em ação penal aberta no Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o caso.

"Requer a quebra do sigilo telefônico do NIP da Superintendência da Polícia Federal da Bahia a fim de verificar quais números ligaram para o referido terminal no dia 14 de julho de 2017, possibilitando a identificação do número (e respectivos dados cadastrais) responsável pela ligação anônima referida na informação nº 15/2017", diz trecho do pedido da defesa.

O advogado nega que seus clientes tenham cometido crime. No mesmo documento, ele também apresenta a lista de testemunhas de defesa que devem ser ouvidas no processo.

Solicita ainda que seja determinado à PF a concessão de "imediato acesso" ao material usado na perícia, "notadamente os ‘fragmentos de impressões papilares que apresentaram condições técnicas para confronto papiloscópico’, inclusive as mídias digitais em que foram gravadas as imagens, franqueando exame por assistente técnico eventualmente indicado pelo Peticionário". Perícia da PF achou digitais de Geddel e de um ex-assessor da família nas notas do "bunker".

Veja também:




André de Souza
O Globo
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...