quinta-feira, 9 de agosto de 2018

PT estuda esconder Haddad em debate para não 'naturalizar a ideia' de que Lula não será candidato


Imagem: Edilson Dantas / Ag. O Globo
O PT está às voltas com um dilema nesta quinta (9): deixar ou não o ex-prefeito e candidato a vice-presidente pelo partido, Fernando Haddad, comparecer ao debate da TV Bandeirantes?


A ideia do grupo favorável ao comparecimento é que Haddad vá ao evento para ocupar os espaços possíveis na mídia, aparecendo em entrevistas na entrada, na saída e nos intervalos do debate. E sempre "denunciando" a ausência de Lula, que foi impedido de participar pela Justiça.

Leia também: 

Mas há um outro grupo de dirigentes frontalmente contrário a essa estratégia.

Por eles, Haddad deve se recolher o máximo possível, evitando aparecer muito para não naturalizar a ideia, já corrente, de que Lula não poderá ser candidato e de que ele será o plano B do partido na corrida presidencial.

Esse mesmo grupo pretende evitar que Haddad até mesmo apareça no programa eleitoral do partido, a partir do dia 31 de agosto. Quer ainda limitar uma eventual agenda de viagens com Manuela D'Ávila, que ocupará a vice caso Lula consiga se candidatar --e também caso o ex-prefeito venha a substituído na cabeça da chapa.

Há, portanto, duas teses em choque neste momento no PT: a primeira, a de esconder Haddad até onde for necessário. A segunda, a de colocá-lo em exposição máxima, aproveitando todas as oportunidades que ele tiver de aparecer, já que o tempo de campanha até 7 de outubro é curto para torná-lo conhecido.

Veja também:




Mônica Bergamo
Folha de S.Paulo
Editado por Política na Rede
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...