terça-feira, 11 de setembro de 2018

Delegado faz grave denúncia relativa a atentado contra Bolsonaro: 'Adélio esteve com um deputado na Câmara, Anexo IV, em 2013'


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O deputado Delegado Francischini fez uma denúncia que indica que o homem que tentou matar o candidato Jair Bolsonaro não é mero "simpatizante" de alguma corrente ideológica. Adélio Bispo de Oliveira, que foi filiado ao PSOL até 2014, foi recebido na própria Câmara, no Anexo IV, onde há gabinetes de deputados federais.



Assista: 


Leia também: 
Homem que tentou matar Bolsonaro portava cartão de crédito internacional
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...