sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Agente cubana era mantida como 'capataz' de 'escravos' do Mais Médicos no Brasil, denunciou Onyx Lorenzoni em 2014


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O ministro Onyx Lorenzoni, enquanto era deputado, denunciou, em 2014, que uma agente cubana era mantida como uma espécie de "capataz" dos escravos do programa Mais Médicos no Brasil.



Assista: 


Leia também: 
Capitão do Exército Cubano descoberto infiltrado no 'Mais Médicos': veja quando Bolsonaro denunciou espionagem militar no programa durante o Governo Dilma; veja vídeo
Dono da Havan, Luciano Hang convoca médico para explicar a 'fraude' do 'Mais Médicos' e defender Bolsonaro; veja vídeo
Seleção para preencher vagas de médicos cubanos ocorre ainda este mês

Veja também: 









Gazeta Social
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...