terça-feira, 6 de novembro de 2018

URGENTE: Revogação do Estatuto do Desarmamento é adiada para o ano que vem por conselho de Bolsonaro


Imagem: Produção Ilustrativa / Folha Política
O deputado Rogério Peninha, autor do projeto de lei que revoga o Estatuto do Desarmamento, informou que a votação ficará para o ano que vem, a pedido do presidente eleito Jair Bolsonaro. Peninha informou: “Acabo de receber ligação do presidente Jair Bolsonaro. Ele concordou em deixarmos para o ano que vem a votação do projeto de minha autoria que revoga o Estatuto do Desarmamento. Se forçássemos a barra para votar esse ano, haveria risco de a proposta ser rejeitada - e um trabalho de 6 anos iria pelo ralo. A composição do novo Congresso é mais conservadora. Com os novos deputados, as chances de aprovarmos o PL 3722 são bem maiores. Bolsonaro disse que precisará de mim para fazer o meio de campo entre o governo e a bancada do MDB em votações importantes a partir de 2019. É com alegria - e sabendo do peso que esta responsabilidade traz - que aceito a missão”.


Ouça: 


Leia também: 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...