quarta-feira, 29 de maio de 2019

Senador Major Olímpio concede coletiva sobre estratégia de Sergio Moro, Paulo Guedes e Bolsonaro



Os senadores do PSL, partido de Bolsonaro, estiveram no Palácio do Planalto e ouviram do presidente o pedido para que validem o texto dos deputados na votação no Senado.

A versão da Câmara enfrenta resistências entre os senadores, já que o texto aprovado deixa o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) no Ministério Economia. Um grupo de senadores, do qual faz parte o próprio Major Olímpio e o líder do Governo, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), defendem que o órgão permaneça sob a responsabilidade do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, como originalmente propôs o governo.

De acordo com o Major Olímpio, a bancada vai atender ao clamor do governo, apesar de entender que, com o Ministério da Justiça, o órgão seria mais útil e mais utilizado, principalmente no combate à corrupção, à lavagem de dinheiro, ao crime organizado, às facções criminosas e milícias.

O senador Major Olímpio disse que além do pedido do presidente, foi contatado pelos ministros Sergio Moro e Paulo Guedes, que manifestaram a necessidade de garantir a nova estrutura administrativa, e disseram que o deslocamento do Coaf para seu local originário não vai afetar ou vai afetar pouco o trabalho desenvolvido pelo órgão.

Com trechos de Agência Brasil
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...