quarta-feira, 31 de julho de 2019

Bolsonaro confronta jornalista sobre morte de presos e defende trabalhos forçados para criminosos



Em coletiva de imprensa, o presidente Jair Bolsonaro defendeu que existam trabalhos forçados para criminosos condenados. Ademais, ele rebateu o questionamento de uma jornalista no que tange a presidiário que teriam falecido durante transporte para um hospital.

"Morreram no deslocamento? Estavam feridos, com toda certeza. Estavam feridos, não? Quando uma ambulância pega uma pessoa ferida, doente, ela pode falecer no caminho", pontuou.

"Problemas acontecem. Se a gente puder conversar com o Moro nesse sentido. Eu sonho com presídios agrícolas. Sei que mudar o artigo quinto da Constituição é cláusula pétrea. Queria que tivesse trabalho forçado no Brasil para esse tipo de gente, mas a gente não pode forçar a barra. Ninguém quer maltratar nenhum preso, mas é o habitat deles", argumentou.

"Fico com muita pena, sim, dos familiares das vítimas que eles fizeram no passado. Se pudéssemos ter uma autoridade em cima do presidiário como o americano tem, seria muito bom para nós", salientou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...