quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Eduardo Bolsonaro faz grave denúncia de artimanha para censurar as redes sociais e calar direita e conservadores



Em pronunciamento no Congresso Nacional, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, denunciou um grave atentado à liberdade de expressão decorrente de recentes ações da Câmara dos Deputados. Conforme o parlamentar, com a derrubada do veto do presidente Jair Bolsonaro, cidadãos poderão ser punidos com até 8 anos de prisão sob a acusação de "divulgação de fake news".

"Eles comemoraram ontem a derrubada do veto. Eles têm uma equipe muito bem aparelhada de advogados que ninguém do lado conservador tem. Eu vou dar nome aos bois. Sabe quem vai se dar mal com essa lei? Allan dos Santos, Bernardo Kuster, Olavo de Carvalho, família Bolsonaro", asseverou.

"Eles não têm escrúpulos, não respeitam a liberdade de expressão e vão nos processar, ainda que venham a perder. Apenas para ter o discurso de que nós estamos sendo processados por divulgar 'fake news', quando eles sabem que o que divulgamos é verdadeiro", explanou o deputado.

Neste sentido, ele explicou a desproporção das penas cominadas: "Para as pessoas terem uma noção da desproporção, goleiro Bruno foi solto após cumprir 6 anos de pena. Realmente, 2 a 8 anos não é proporcional".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...