terça-feira, 13 de agosto de 2019

URGENTE: Janaína Paschoal denuncia plano nefasto de Toffoli ao discutir impeachment com senadores



Em encontro para apresentar e discutir o pedido de impeachment de Dias Toffoli, presidente do STF, com senadores da República, a deputada estadual e advogada Janaína Paschoal aventou o que entende como um plano de Toffoli para se blindar contra investigações.

"Quando ele lança mão de uma série de ações objetivando se blindar. Quando ele dá aquela decisão no pedido do senador Flávio, nosso pedido evidencia que não foi para beneficiar o filho do presidente. Foi para impossibilitar as apurações que vinham sendo feitas com relação às movimentações financeiras do próprio ministro. A imprensa mostrou que recebe ou vinha recebendo por um bom período uma pensão da esposa de R$100.000,00", asseverou.

"A esposa é sócia de um escritório de advocacia grande que tem causas no próprio Supremo. É uma situação que não posso afirmar com 100% de certeza que seja criminosa, mas que tem de ser explicada. (...) O crime de responsabilidade é lançar mão de seu próprio poder para inviabilizar apurações e para não ser obrigado a dar explicações", argumentou a parlamentar.

No ensejo, ela apontou o caráter doloso dos atos do ministro. "O que assusta nesse autoritarismo é que, em vez de explicar, o ministro não se dá ao trabalho de sequer tentar explicar. Ele demoniza quem levanta qualquer situação contra ele. Agora, ele começou a usar seu próprio poder. Parece-me uma decisão inegavelmente dolosa", qualificou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...