domingo, 1 de setembro de 2019

Bolsonaro compara 'jornalistas semianalfabetos' a Dilma Rousseff, agradece a Donald Trump e defende Amazônia




Em coletiva de imprensa, o presidente Jair Bolsonaro comparou "jornalistas semianalfabetos" à ex-presidente Dilma Rousseff. "Alguns acham, no Brasil, que, se colocar um diploma na parede, resolveu o seu problema. Não resolve! Ninguém contrata uma pessoa pelo diploma. Tem que ter, mas tem que ter competência. Tem muitos jornalistas semianalfabetos. Já encontrei um monte. Cometem mais erros que Dilma Rousseff", declarou.

O presidente refutou, ademais, acusações contra Flávio Bolsonaro e o envolvimento de Fabrício Queiroz, além de assestar como políticos desejam "apavorar" o povo brasileiro em virtude da derrubada de seu veto a projeto de lei criminalizando "fake news" caluniosas com finalidade eleitoral.

Ele voltou a declarar que apenas voltará a abordar a Amazônia com Macron, presidente da França, caso ele peça desculpas por suas afirmações. O chefe de Estado ressaltou, ainda, a importância de paciência para a escolha do novo PGR: "Quero ter um PGR que tenha a bandeira do Brasil em uma mão e a Constituição em outra. Nada para mim, é para o Brasil. Que não seja radical na questão ambiental. Que não interfira no corte de cabelo em colégios militares".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...