sábado, 19 de outubro de 2019

Senador Girão adverte para 'golpe de misericórdia' contra a Operação Lava Jato e faz clamor por impeachment e CPI Lava Toga



Em pronunciamento no Congresso Nacional, o senador Eduardo Girão fez uma advertência a respeito do risco de um "golpe de misericórdia" contra a Operação Lava Jato. O parlamentar convocou a população a fiscalizar o andamento do julgamento a respeito de prisões após condenação em segunda instância.

"E essa decisão do Supremo – é bom que a população esteja atenta a isso – é uma decisão que pode dar um golpe de misericórdia, sim, na Operação Lava Jato, que é uma operação símbolo do êxito, do sucesso do combate à corrupção no Brasil e que tem inspirado tanta gente, tantos brasileiros a voltarem a acreditar no nosso País, a sonharem com aquele país que a gente sabe que um dia vai chegar", asseverou.

"Eu não vou nem falar aqui o que já colocaram o Senador Styvenson e o Senador Heinze, quando disseram que países que voltaram atrás numa decisão dessa no mundo. Sabem quantos? Nenhum. Nenhum. Alemanha, França, Argentina e todos os países do mundo que você possa imaginar não voltaram atrás na decisão de segunda instância. Seria um retrocesso, espero que não seja, um retrocesso sem precedentes", argumentou ele.

No ensejo, ele explicou a importância de o povo brasileiro reagir: "Mas nós vamos estar atentos. E a população brasileira... Eu convoco a população para assistir a isso como uma final de Copa do Mundo, nós que somos o País do futebol. Muito mais importante do que qualquer outra coisa é a gente acompanhar essa votação no Supremo Tribunal Federal, que pode dar um golpe de misericórdia na operação que é sua, povo brasileiro. Uma operação que faz você acreditar no Brasil e ver que a justiça é para todos, e que quem errou tem que pagar. A impunidade tem que acabar no nosso Brasil".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...