sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Senadora Juíza Selma desmonta farsa sobre prisão em segunda instância julgada no STF e rebate corruptos



Em pronunciamento no Congresso Nacional, a senadora Juíza Selma Arruda fez graves denúncias a respeito das possíveis implicações de um julgamento equivocado no STF no que concerne à prisão após condenação em segunda instância.

"Os julgamentos, em alguns casos, não estão sendo feitos de acordo com o caso, e sim de acordo com a cara do freguês. Essa é a verdade. Infelizmente é a verdade que nós estamos vendo aí no País. E nós temos então essa alegação, que para mim é um abuso, uma falta de respeito com o povo brasileiro, de dizer que isso é para coibir os abusos da Lava Jato. Quem abusou foi quem roubou bilhões do povo; quem abusou foi quem encheu mala, cueca de dinheiro. Isso, sim, abusou", denunciou a parlamentar.

"E vou lhe dizer mais: dessa decisão capitaneada pelo Ministro Teori até agora, aumentou consideravelmente o número, sabe de quê, Senador Styvenson? De colaborações premiadas. Porque a malandragem, que antes se achava absolutamente ilesa e impune, não é?, 'não, vou recorrer até quando não puder mais', a malandragem falou, 'opa, pera aí. Agora, no segundo grau eu já vou ser preso? Pera aí, não, não. Pera aí, eu quero colaborar.' Isso é o que é chamado de instrumento de tortura, Senador Girão. É isso que nós estamos vivendo. É isso que não dá. Não dá para a gente admitir, não é?", advertiu ela.

No ensejo, ela rebateu corruptos e alertou no que toca ao futuro da Operação Lava Jato: "Agora, claro, se essa decisão do STF não respeitar esses princípios jurídicos mínimos e de novo respaldar a impunidade dessas pessoas, óbvio que todos os canalhas que estão sendo processados, e mesmo aqueles que já delataram, vão se retratar da delação. Se vocês não sabem, é cabível a retratação da delação, não é? Então, tudo por água abaixo. É colocar caminhões de terra em cima da operação, a única operação que tinha condições de resgatar a nossa imagem aqui, a nossa autoestima como cidadãos, e resgatar a nossa imagem em nível internacional".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...