domingo, 17 de novembro de 2019

Coronel Chrisóstomo perde a paciência, empareda STF e denuncia Lula e o PT - Segunda Instância



Em pronunciamento na Câmara dos Deputados, o deputado federal Coronel Chrisóstomo, membro do PSL e aliado do presidente Jair Bolsonaro, revoltou-se diante de recente decisão do STF no que toca à prisão em segunda instância e aventou suas suspeitas no que concerne às intenções da Suprema Corte.

"Em Rondônia, o povo está revoltado com a soltura de vários presos que foram julgados já em segunda instância. Coronel Chrisóstomo é a favor da prisão após julgamento em segunda instância. Não dá para admitir, em nosso país, criarem uma situação dessa dentro do STF. Parece-nos que era para soltar um homem", asseverou.

"Tudo levar a crer que a verdade é essa. (...) Como cidadão, tiraram meu dinheiro fruto de acordo com esse senhor. Como cidadão, dói muito porque fui integrante da CPI do BNDES. Naquela oportunidade, um ex-ministro, posso até falar o nome dele, Palocci, relatou para nós que tiraram do Brasil em torno de R$500 bilhões", expôs ele.

"Não fui eu que falei, foi o ex-ministro Palocci, o grande homem do PT. Portanto, não se pode admitir. Isso está batendo em nossa porta. Não vai ser apenas meia dúzia que sairá. Serão muitos", alertou o parlamentar.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...