sexta-feira, 15 de novembro de 2019

General Mourão retruca ataques de esquerdistas sobre a História do Brasil e Governo Bolsonaro



Em pronunciamento na FIEA de Alagoas, o vice-presidente da República, General Mourão, rebateu ataques de esquerdistas a seus pronunciamentos a respeito da História do Brasil e ao Governo Bolsonaro.

"Somos nós, nós aqui. Não vai fugir disso. O capitalismo. Estou pregando em uma floresta, mas tem muita gente que ainda acha que o Estado pode tudo. O Estado, hoje, tem de ser o indutor do crescimento, o facilitador. Aquele que abre a via de acesso. O Brasil nasceu sob a égide do empreendedorismo e da iniciativa privada", asseverou.

"Um dia, publiquei que as capitanias hereditárias foram um exemplo de empreendedorismo, das empresas privadas e de iniciativa privada. É óbvio que a turma de esquerda me atacou, sentou o dedo. Escravidão, indígenas. Nós nascemos assim! Os bandeirantes avançaram dentro da linha de Tordesilhas e hoje temos esse país inteiro", esclareceu o general.

"Morreu gente? Morreu gente! Como qualquer conquista de território. A gente não pode analisar fatos do século XVI com um olhar do século XXI", complementou.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...