sexta-feira, 10 de janeiro de 2020

Bolsonaro refuta Lula, mostra relações vexatórias com o Irã e alerta sobre Cuba e Venezuela



Em pronunciamento ao vivo, o presidente Jair Bolsonaro aventou relações vexatórias de Lula com o Irã e com Ahmadinejad, ressaltando que o ex-presidente defendeu um plano de desenvolvimento nuclear para o país do Oriente Médio. Ademais, Bolsonaro advertiu sobre a aversão contra empreendedores e os efeitos deletérios do socialismo em Cuba e na Venezuela.

"Hoje de manhã, postei uma matéria no Facebook, uma matéria de 2009, do Lula abraçado ao Ahmadinejad, do Irã, o Lula era o garoto-propaganda do Irã para que esse país desenvolvesse sua tecnologia de enriquecimento de urânio. Segundo o Irã e segundo o Lula, para fins pacíficos", relatou ele.

"Naquele tempo, a gente sabe que o chefe de Estado falava em varrer do mapa o país vizinho. O Lula estava lá sendo garoto-propaganda, como chefe de uma nação emergente, para que o Irã enriquecesse urânio. Alguns falaram que, se o Brasil desenvolve essa tecnologia, o Irã também poderia. Só que nós temos acordos, somos inspecionados, nem sonhamos em enriquecer para que ele possa ser usado como artefato nuclear, como poderio bélico", explanou.

"Estou defendendo a paz, de acordo com o artigo 4º da Constituição", salientou Bolsonaro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...