quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

URGENTE: Tumulto na CPMI Fake News após ex-chefe de Hans River admitir serviço indireto para Haddad e PT



A CPMI Fake News acaba de enfrentar um tumulto durante o depoimento de Lindolfo Antônio Alves Neto, sócio da empresa Yacows e ex-chefe de Hans River do Rio Nascimento. Lindolfo admitiu que Haddad teria sido beneficiado indiretamente por disparos em massa.

"Henrique Meirelles, sim. Ciro Gomes, não me recordo de absolutamente nada e não está na lista, logo, não fizemos. Fernando Haddad é um caso específico: uma agência que eu acredito que faça campanha para ele já utilizava a plataforma e utilizou a nossa ferramenta. Diretamente, não foi feito. Indiretamente, sim. Não teve pagamento direto desses candidatos", relatou o empresário.

A seguir, parlamentares petistas insistiram a respeito de suposto envolvimento de empresas que teriam prestado serviços para o presidente Jair Bolsonaro, gerando confronto verbal.

Assista ao vídeo e deixe o seu like se você apoia o presidente Jair Bolsonaro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...