terça-feira, 31 de março de 2020

Paulo Guedes faz pronunciamento sobre 'orçamento de guerra': ‘A instrução de Bolsonaro foi clara: não vamos deixar nenhum brasileiro para trás’





Durante a coletiva do Comitê de Crise, o ministro da Economia, Paulo Guedes, lembrou que o governo já incluiu mais famílias no programa do Bolsa Família e garantiu a renda de R$ 600 reais para autônomos que foram prejudicados pelas medidas restritivas dos governos estaduais e prefeituras. 

O ministro apontou que é a maior rede de solidariedade já criada, alcançando as pessoas que normalmente ficam desassistidas. O ministro também lembrou das quantidades de recursos que estão sendo destinados pelo governo federal aos estados e municípios, para a proteção da saúde e dos empregos. 

Paulo Guedes lembrou que a proposta do governo Jair Bolsonaro sempre foi a de descentralizar os recursos, seguindo o mote do “mais Brasil, menos Brasília”, e que o estado de calamidade pública adiantou medidas que o governo já sugeria, criando um “orçamento de guerra” para enfrentar a crise. 

O ministro Paulo Guedes agradeceu ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, por oferecer condições para que todas essas mudanças fossem executadas rapidamente, e fez um apelo ao Congresso para que aprove uma PEC para regularizar todos esses atos. Paulo Guedes disse que o Supremo já ajudou e “esperamos essa ratificação pelo congresso”.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...