domingo, 19 de abril de 2020

Onyx Lorenzoni alerta para fraudadores, exalta ação de Bolsonaro e Guedes e retruca decisão judicial



Em coletiva de imprensa, Onyx Lorenzoni, ministro da Cidadania no Governo Bolsonaro, aventou a estruturação burocrática determinada pelo Governo Federal para a liberação do auxílio emergencial e fez uma advertência a respeito de possíveis tentativas de fraudar o sistema e prejudicar quem mais precisa dos recursos.

"Em primeiro lugar, o Ministério da Economia trabalha, eu conversei com o ministro Sergio Moro, com a Receita Federal, para que se recorra dessa decisão. Toda e qualquer abertura e operação no sistema financeiro brasileiro é baseada na identificação da pessoa com base na identificação do CPF. Isso é uma base da operação de toda a estrutura financeira brasileira. Vamos quebrar isso por quê?", questionou ele.

"Vamos ter uma bancarização de 20, 30 milhões de pessoas. Pessoas que nunca tiveram conta, nunca foram a uma agência bancária. Programas sociais poderão ser desenvolvidos no futuro. Estímulo ao emprego, suporte a famílias. Se tirar isso, o que vai acontecer? Vamos oferecer uma porteira aberta para fraudes. É rapidamente montada em uma unidade prisional uma usina de fraude. O dinheiro que precisa ir para quem precisa vai para bandidos!", acrescentou Onyx.

"Isso está errado! Espero que a gente possa reverter isso. Precisamos reconhecer que o Brasil oferece, hoje, uma rede de proteção que poucos países do mundo conseguiram fazer", salientou o ministro.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...