sexta-feira, 3 de abril de 2020

Paulo Guedes retruca ataques oportunistas ao Governo Bolsonaro: 'Não é uma atitude séria!'





O ministro da Economia, Paulo Guedes, participou da coletiva do Comitê de Crise do governo federal para o combate à pandemia. Paulo Guedes explicou as medidas econômicas tomadas pelo governo e as dificuldades que a equipe enfrenta. Paulo Guedes esclareceu que o governo já direcionou 6% do PIB às consequências da crise, o que “reflete a magnitude do esforço do governo Bolsonaro para combater essas duas ondas que avançam sobre o povo brasileiro”. 




Paulo Guedes explicou que o presidente Jair Bolsonaro vem alertando para a chamada “segunda onda”, pedindo para proteger a saúde mas também evitar a quebra da atividade econômica. O ministro rebateu as críticas ao presidente e à equipe econômica, apontando que a magnitude dos programas emergenciais do governo exige um cuidado, uma blindagem, que precisa ser jurídica e também legislativa. 

Paulo Guedes exemplificou com a “gritaria” exigindo que o presidente sancionasse rapidamente o auxílio de 600 reais aos autônomos e informais. O ministro lembrou que a proposta e o valor vieram do governo, e ainda que uma diferença de um ou dois dias na aprovação não tem qualquer impacto sobre o início dos pagamentos, já que o principal fator para que o dinheiro chegue aos cidadãos é a logística. 

O ministro disse: “há muita gente criticando, acho que até oportunisticamente. Qualquer crítica de que houve uma demora, eu considero oportunismo político. Não considero uma coisa séria”. O ministro afirmou que espera cooperação, pela gravidade da crise, e lembrou: “nenhum país emergente fez um movimento tão rápido e com tanto volume de recursos como nós”.

Paulo Guedes reiterou: “Quero de novo dizer que temos um governo preocupado com todas as dimensões da crise, alertando para o problema econômico que pode vir lá na frente sem descuidar, em nenhum momento, do problema da saúde”, e pediu união em torno desse lema de que “nenhum brasileiro será deixado para trás”. O ministro disse: “nesse momento de ameaça à saúde do povo brasileiro, não é o momento para explorar politicamente”. 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...