sexta-feira, 8 de maio de 2020

General Braga Netto rebate sobre reunião sigilosa entre Sergio Moro e Bolsonaro e ordem do STF



Durante entrevista coletiva do Comitê de Crise do governo Jair Bolsonaro, o ministro da Casa Civil, General Braga Netto, foi questionado sobre o vídeo da reunião de ministros que foi requisitado pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, no inquérito que investiga as declarações do ex-ministro Sérgio Moro em sua espalhafatosa demissão.

Braga Netto afirmou: "Não vou entrar nesse mérito. Com relação ao vídeo, o que acontece? A reunião não necessariamente é filmada. Não é como uma reunião na Câmara dos Deputados, a qual tem que ser filmada por lei. Ela filma trechos, filma partes, às vezes não filma".

O ministro lembrou que a reunião tratou de diversos assuntos e não apenas os referidos pelo ex-ministro Moro. Braga Netto apontou ainda que, justamente por causa do inquérito, não cabe aos ministros fazer comentários sobre o teor da reunião.

Braga Netto reiterou: "Não vou entrar no assunto da filmagem porque hoje é assunto de um inquérito. Pode filmar, pode não filmar, e os assuntos, muitas vezes, tratam de assuntos de segurança nacional. Assuntos com países, assuntos que tratam da economia e podem repercutir pesadamente no país. Por isso, não tem a obrigatoriedade de ter a filmagem".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...