terça-feira, 25 de agosto de 2020

Bolsonaro expõe manipulações ‘criminosas e desrespeitosas’ da Rede Globo e veicula vídeo de jornalista



O presidente Jair Bolsonaro veiculou, em suas redes sociais, um vídeo no qual o jornalista Paulo Alceu, do programa ND Notícias, da Rede Record em Santa Catarina, exibe um recorte da Folha Política apontando o momento em que, durante cerimônia do Governo Bolsonaro, as vítimas da pandemia que aflige o Brasil são homenageadas.

Na gravação, realizada pela TV Brasil, é realizado um minuto de silêncio por requisição da médica Raíssa Soares. 

Ao veicular o vídeo, Alceu rebate a jornalista Maju, da Rede Globo, que declarou que as vítimas da pandemia não foram homenageadas no evento. O jornalista questionou: “Não reverenciaram os mortos? Isso é mentira! Isso que é ‘fake news’. Dizer que não houve homenagem aos mortos por interesse em atingir a Presidência da República é baixo, é triste, é leviano. Isso não é jornalismo. Absolutamente, não é jornalismo. Você pode até contestar a cerimônia, mas jamais deturpar as informações”.

Ele complementou: “Estou aqui falando em defesa da minha categoria, da profissão de jornalismo, profissão que escolhi com orgulho e respeito. Uma profissão que rouba, muitas vezes, meu lazer, pois a notícia não tem hora, não tem dia. Trabalhei durante muitos anos na TV Globo. Foi uma escola, uma bela escola, tive momentos inesquecíveis e fundamentais para a minha carreira, mas o que acontece hoje é um atentado contra o jornalismo. Opinião contrária enriquece o debate, mas manipular a informação significa falta de caráter”.

O jornalista prosseguiu: “Significa falta de respeito com o nosso maior consumidor, o telespectador, você. Eu nunca imaginei um dia dizer o que estou dizendo onde tanto aprendi. Fico até envergonhado. Podemos errar em nossas convicções, mas reconhecer o erro não é só humano, mas uma questão de respeito com quem nos acompanha e exige uma informação isenta e verdadeira”.

Neste contexto, ele enviou um recado para a TV Globo: “Não abuse, TV Globo, da inteligência das pessoas, não abuse da mentira como notícia. Não se trata de defender o presidente Bolsonaro, mas de honrar a informação, de dignificar a profissão. Se é contra, expresse sua contrariedade com base em fatos, em argumentos, não com manipulações criminosas e desrespeitosas”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...