segunda-feira, 2 de novembro de 2020

Secretário mostra pescadores que foram 'libertados' por Bolsonaro em Fernando de Noronha



O secretário de Aquicultura  e Pesca, Jorge Seif Jr., publicou um vídeo mostrando a pesca artesanal em Fernando de Noronha, que só passou a ser permitida há poucos dias. Em alto-mar, o secretário mostrou que a atividade é realizada pelos habitantes da região e afirmou: “poucas embarcações, todas de características artesanais, realizada 100% por nativos. Uma atividade de subsistência, onde o pescador retira o peixe para sua alimentação e vende o excedente para fortalecer sua renda familiar. Como não se sensibilizar!? Como ignorar? Como não ajudar?”. 

A deputada Bia Kicis parabenizou o governo por permitir a pesca aos habitantes da ilha. Bia Kicis disse: “Parabéns ao Presidente Jair Messias Bolsonaro, ao Secretário Nacional da Pesca Jorge Seif, a ICMBIO e ao Ministro Ricardo Salles. Após mais de 30 anos, a Pesca da Sardinha é liberada em Noronha para o pescador artesanal. Vamos aonde a população está. Mais Brasil e menos Brasília. Antes os gabinetes de Brasília só conheciam o País pelo YouTube e decidiam em Paris, ao pé da torre com Champanhe e Caviar”.

O deputado Daniel Silveira também parabenizou o secretário. Silveira disse: “Um verdadeiro absurdo: em Fernando de Noronha a pesca da sardinha era proibida. Moradores da ilha precisavam importar do continente. Mas o presidente Jair Bolsonaro está quebrando paradigmas e colocando fim a estas absurdidades. Parabéns ao Secretário da Pesca Jorge Seif Jr!”. 

Em setembro, o secretário havia mostrado o apelo de um pescador que denunciava que a atividade estava sendo inviabilizada. Na época, Seif respondeu: 

A revisão da INI10 está sendo realizada.

Essa INI é a Bíblia da pesca embarcada e vários itens estão sendo revisados com apoio de sindicatos, representantes de entidades, universidades, governos, etc.

Não podemos dar “canetada” e liberar geral porque, além de irresponsabilidade, a medida seria cassada pelo MPF e seríamos representados na justiça. Tem que ter base, estudos, dados para justificar as mudanças legais.

Como você, vivo da pesca e sei de muitas das necessidades de todos setores que viveram perseguição e descaso nos governos anteriores.

É uma construção que está sendo feita, inclusive, por Consulta Pública o qual todos podem opinar e colaborar.

A Secretaria trabalha para todos segmentos, desde pesca extrativa, cultivos/aquicultura, pesca esportiva até peixes ornamentais. Não adianta desqualificar as outras atividades.

Todos, de uma forma ou outra, necessitam de suas demandas atendidas para sobreviverem com segurança jurídica e dignidade.

Além disso, falo todos os dias com pessoas de todas atividades do Brasil e estamos conectados com as centenas de demandas de diferentes partes do Brasil.

Estamos trabalhando e vamos, com prudência, responsabilidade e respeito a sustentabilidade, construir uma aquicultura e pesca melhor para todos.

Participem, colaborem, contribuam. Estamos aqui para ouvir, entender e pacificar as demandas de todos. 


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...