quarta-feira, 9 de dezembro de 2020

Trump pede para ser admitido na ação movida pelo estado do Texas na Suprema Corte dos EUA


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, requereu ingresso na ação que está sendo movida pelo estado do Texas contra os estados de Pensilvânia, Georgia, Michigan e Wisconsin. O Texas alega que esses estados alteraram as regras eleitorais e que essas alterações afetam as eleições de todo o país. Após o Texas protocolizar seu pedido, outros estados também solicitaram o ingresso na ação: Alabama, Arkansas, Flórida, Indiana, Kansas, Louisiana, Mississippi, Missouri, Montana, Nebraska, Dakota do Norte, Oklahoma,  Carolina do Sul, Dakota do Sul, Tennessee, Utah e Virginia. 

Segundo a petição do presidente Donald Trump, “quando oficiais eleitorais conduzem as eleições de forma contrária à Constituição dos EUA, há um grave prejuízo, não apenas aos candidatos que estão nas cédulas, mas também à fé dos cidadãos no processo eleitoral. Nas eleições de 2020, a pretexto de reagir à pandemia, os oficiais eleitorais em vários estados-chaves, algumas vezes por iniciativa própria e outras em conexão com ações judiciais, fizeram um esforço sistemático para enfraquecer as medidas que garantem eleições justas e imparciais, criando novas regras para a condução das eleições - regras que nunca foram aprovadas pelas casas legislativas dos estados, como é exigido pelo artigo II da Constituição dos EUA. Essas novas regras tinham por objetivo enfraquecer, ignorar, ou substituir medidas das leis estaduais que garantiam a integridade do processo de votação”.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...