terça-feira, 16 de fevereiro de 2021

Roberto Jefferson questiona Globo, retruca Barroso, do STF, aborda impeachment de Alexandre de Moraes e expõe obrigações do Senado


Por meio de suas redes sociais, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, retrucou declaração controversa de Barroso, ministro do STF, a respeito da Venezuela, abordou pedidos de impeachment do ministro Alexandre de Moraes e rebateu supostas interferências de ministros contra a nomeação da deputada federal Bia Kicis, aliada do presidente Jair Bolsonaro, para a CCJ.

Jefferson fez, ainda, avaliações de cunho político-eleitoral. Ele declarou: “O projeto Sertão Forte derrotará a esquerda no nordeste. A política de renda com energia e água, aplicada no bioma da caatinga, supre o regime de poucas chuvas. Os frutos certos (Embrapa), permitem a criação de ovinos e caprinos mais resistentes ao semi-árido. Bolsonaro vencerá”.

Neste contexto, o político comentou: 

A Folha de S.Paulo diz que a deputada Bia Kicis ‘enfrenta resistência de ministros do STF’. E desde quando uma comissão da Câmara tem que ser presidida por alguém que agrade aos ministros? Era só o que faltava mesmo nesses tempos de ativismo judicial desembestado.

Atuando com firmeza nos bastidores, Bia Kicis disse nas suas redes que o presidente Arthur Lira continua firme no compromisso com a indicação do nome dela feita pelo PSL para presidir a CCJ. A chiadeira da esquerda e da extrema imprensa e o "veto" do STF não derrubarão Bia Kicis.

Depois que nós do PTB apresentamos pedido de impeachment de Alexandre Moraes, outros pedidos começam a pipocar. A União dos Advogados do Brasil anunciou que dará entrada, na próxima semana, em um novo pedido de impeachment do ministro Gilmar Mendes. A bola está com Pacheco.

No ano passado, o PTB apresentou na PGR uma notícia-crime contra Alcolumbre, por prevaricação. Na ação, o PTB alegou que o presidente do Senado não cumpriu suas funções ao não decidir sobre pedidos de impeachment de ministros do STF. Espera-se que Pacheco não cometa o mesmo erro. A Lei do Impeachment impõe prazos e obrigações ao presidente do Senado. Alcolumbre desrespeitou todos os procedimentos da legislação e segurou duas dezenas de pedidos de impeachment de ministros do STF. O presidente não é dono do Senado. Pacheco agora tem que cumprir a lei”.

Ademais, o presidente de partido questionou a Rede Globo e interferências do STF: “Vocês viram a Globo dar destaque a essa informação sobre a queda no desmatamento da Amazônia? E a imprensa estrangeira, está falando nisso? A Greta Thunberg, já se pronunciou? O Leonardo DiCaprio postou alguma coisa? O Ministério da Defesa informou que o mês de janeiro de 2021 teve o menor índice de desmatamento na Amazônia Legal dos últimos quatro anos. A redução foi de 70% em relação ao mesmo mês de 2020. Será que a Rede vai pedir para Lewandowski exigir que o governo explique isso em 48hs?

A imprensa anda dizendo que grupos do PT projetam abandonar desde já qualquer intenção de ter Lula como candidato a presidente. Que pena. Queria muito ver Lula tomar uma sova de Bolsonaro nas urnas. Bolsonaro iria aposentar Lula para sempre.

Arthur Lira foi cirúrgico em artigo no Estadão, ao afirmar que o Brasil passou por um período de ‘negacionismo parlamentar’ em 2020, com Rodrigo Maia se negando a dar prosseguimento a muitas votações importantes, ou deixando MPs caducarem apenas por sua implicância com o governo.

Fecharam uma festa de carnaval clandestina no Jockey Club do Rio de Janeiro, ponto de encontro da abastada elite carioca, com 200 pessoas. Em um restaurante na Gávea, fiscais fecharam um baile de carnaval com centenas de pessoas.  E depois dizem que Bolsonaro é ‘genocida’ etc.

Política é coisa do diabo, isso é verdade. Mas se os Pastores não assumirem essa luta para por o diabo para fora, ele fechará as igrejas e destruirá as famílias. A luta é do Bem contra o mal. Da Luz contra a treva . A IGREJA ACORDOU. VAMOS À LUTA. DEUS, PÁTRIA E FAMÍLIA”.

Outrossim, Roberto Jefferson alfinetou Lula e abordou uma ideia para uma PEC: “Me ocorre a ideia de apresentar uma PEC, que empodere a Comissão de Justiça da Câmara para fiscalizar conteúdos e financiamentos da Velha Imprensa. A imprensa censura a todos, publica notícias falsas, por encomenda, para destruir reputações, tem que ser fiscalizada.

O presidente Bolsonaro, ao falar sobre os decretos que ele assinou e que flexibilizam as regras sobre o uso de armas, disse o seguinte: “O povo tá vibrando, o povo tá vibrando.” E é verdade. Quem não está vibrando é a esquerda e a imprensa vermelha. Só eles.

Por onde o presidente Bolsonaro anda é uma festa. Agora mesmo em Santa Catarina, na praia em São Francisco do Sul, foi uma loucura.

Alguém tem visto Lula andando em meio ao público? Alguém viu Lula no aeroporto? Em algum mercado? Em algum lugar que não seja na live do PT?

O ministro Barroso afirmou que não acredita que a Venezuela seja uma ditadura de esquerda, e que na verdade seria uma "tirania de direita". Barroso também acredita que as urnas são confiáveis, que Dilma é honesta e que Lula é inocente. Deve acreditar em Coelhinho da Páscoa também.

A melhor piada da semana saiu de Barroso, ministro do STF: ‘Coronel Hugo Chaves e Maduro da Venezuela são de DIREITA.’ Comunista e de esquerda é o Trump.

Os satanistas do Soviete Supremo, sendo 11, falam mais que os 600 congressistas. São uns papagaios, arrogantes, pedantes, prepotentes, corruptos, homúnculos, sem estatura moral para envergar a sagrada toga da Justiça. 

Gilmar Mendes no TT disse que a cena da enfermeira empurrando uma paciente na Transamazônica ‘escancara os anos de descaso do poder público em áreas fundamentais do nosso país’. E o que Gilmar fez no tempo que está no STF para reduzir esse "descaso"? Enumere seus feitos, Gilmar!

Os petês tentaram hoje subir uma tag falando que vai dar PT em 2022 ou alguma coisa do gênero, mas o bloco que eles botaram na rua fracassou na audiência novamente. Ou seja, deu PT na tag do PT”. 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...